31 de mai de 2016

COROAÇÃO DE NOSSA SENHORA





O Seminário Teológico Bom Pastor da Diocese de Criciúma, em Florianópolis, encerra o mês de Maio, que é dedicado a Nossa Senhora, celebrando a Santa Missa, com a festa da Visitação de Nossa Senhora.

Na oportunidade foi coroada a Virgem Maria, no título de Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Que Maria a primeira vocacionada do Pai, nos ajude a dizer SIM, todos os dias.










RETIRO ANUAL DOS SEMINARISTAS DE TEOLOGIA DA DIOCESE DE CRICIÚMA


HOMENS ENCONTRADOS 
RESPONDENDO A VOCAÇÃO
Em Breve, Você confere as fotos e a matéria completa.




EM BREVE
ARTIGO



Estamos nas vésperas do término do mês de maio.  Mês do trabalhador, onde temos São José Operário como patrono, mês do lar da família, das mães, mês Mariano e por excelência do Corpo e Sangue de Cristo (Corpus Christi).
Fazendo menção as mães, que são  mulheres, por que não dizer anjos que Deus escolheu para nos gerar, criar, educar, proteger e amar. Não foi por mero acaso que este mês é o mês de MARIA, a cheia de graça a Mãe de Jesus, como nos anuncia o evangelista Lucas (Lc 1,26-28)
Terminamos o mês de maio com a festa da Visitação de Nossa Senhora como nos descreve Lc 1, 39-45. Maria não mede esforços, mesmo grávida põem-se a serviço, vai a uma região montanhosa para ajudar sua prima Isabel, grávida de seis meses, como lhe havia anunciado o Anjo Gabriel. Maria mulher do serviço, da gentileza, da descrição.
Maria, através de seu semblante deixa transparecer a divindade de seu Filho muito amado. Ela é a Mãe do Puro Amor. Maria é a promessa e esperança, é ternura e solidariedade, é bondade e amor. É o veículo direto que nos comunica com Seu Filho Jesus, é nossa intercessora.  Então peçamos a ela as bênçãos de Deus sobre nós, nossas famílias, nosso país.

Seminaristas Richardson Luiz Domingos de Souza

24 de mai de 2016

RETIRO ESPIRITUAL 2016



Entre os dias 25 a 29 de Maio de 2016, os Seminaristas de Teologia da Diocese de Criciúma, estarão em retiro anual.



Rezem por nós.
Deus vos abençoe.

12 de mai de 2016

SEMINARISTAS CELEBRAM A NOVENA DE PENTECOSTES



Pentecostes faz parte do calendário cristão de comemorações. A data, celebrada 50 dias após a Páscoa, festeja a vinda do Espírito Santo sobre a Terra. Em sua origem, Pentecostes era uma celebração agrícola do povo judeu, também chamada Festa da Colheita ou Festa das Semanas. Tinha duração de sete semanas, desde o dia seguinte à Páscoa até o 50° dia, e era uma forma de agradecimento ao Senhor pelas boas colheitas. Por causa da forte influência da cultura grega sobre os judeus, por volta do século IV a.C., o nome “pentecostes”, que significa “cinquenta dias depois”, passou a substituir o nome de Festa da Colheita ou Festa das Semanas.

Para a comunidade cristã, Pentecostes é descrito em Atos dos Apóstolos 2: no primeiro pentecostes após a morte de Cristo, 50 dias depois da Páscoa, o Espírito Santo desceu sobre a comunidade cristã de Jerusalém na forma de línguas de fogo. Conta-se que o acontecimento encheu o coração dos que haviam recebido a força, e deu a eles coragem para que pregassem a mensagem de Jesus pelo mundo. Cumpriu-se assim a profecia de Jesus, ao dizer durante sua ascensão aos céus, que enviaria seu Espírito Santo aos homens.

E nesta quinta feira, dia 12, a comunidade do Seminário Teológico Bom Pastor, da Diocese de Criciúma, em Florianópolis, se reuniu para celebrar a novena de Pentecostes. Desta forma nos unimos a Diocese de Criciúma, sabendo que todo o povo de Deus também em suas comunidades está celebrando esta novena em preparação para a grande festa de Pentecostes.







3 de mai de 2016

PALAVRA DO REITOR 
MÊS DE MAIO DE 2016

ATIVIDADES PROPOSTAS PELO SANTO PADRE O PAPA, PARA O ANO DA MISERICÓRDIA



Prezados (as) internautas!

Vejamos algumas propostas do Papa Francisco para vivermos bem o ano santo da misericórdia.

- Porta da misericórdia que poderá ser aberta em todas as Dioceses e deverá permanecer aberta durante todo o ano (MV 15).

- Tema: Misericordiosos como o Pai. Deus nos dá tudo de si, sem pedir nada em troca (MV 14)

- Obras de misericórdia Corporais: Alimentar, vestir, acolher, assistir aos enfermos, visitar... ou Obras espirituais: aconselhar os indecisos, admoestar os pecadores, consolar os aflitos, perdoar as ofensas, rezar pelos vivos e mortos (MV 15)

- 24 horas para o Senhor, a ser celebrada na sexta-feira e no sábado anteriores ao IV domingo da quaresma, em todas as Dioceses (MV 17)

- Missionários da Misericórdia indicados pelos bispos que receberão autoridade de perdoar pecados reservados a Santa Sé (MV 18)

-Indulgência (MV 22)

- Peregrinações, inicia-se antes com a capacidade de não condenar, não julgar, dar e ser complemento na viagem (MV 14)

Irmãos e Irmãs, como vimos temos boas propostas de nosso Papa para este ano santo. De fato um tempo de conversão, mudança que precisa acontecer de dentro para fora de nosso coração.

Que Nossa Senhora abençoe nosso desejo de conversão.

Bom Pastor, Dai nos padres segundo o Vosso coração.

Padre Oscar Paulo Pietsch
Reitor do Seminário Teológico Bom Pastor

2 de mai de 2016

ENCONTRO DE REITORES DA DIOCESE DE CRICIÚMA


Entre os dias 02 e 03 de maio de 2016, acontece no Seminário Teológico Bom Pastor, da Diocese de Criciúma, em Florianópolis, o Encontro de Reitores.

O encontro tem a participação dos reitores das casas de formação da Diocese de Criciúma, e tem por objetivo organizar e planejar o processo formativo dos novos presbíteros da Diocese.

"O seminário é lugar de vida plena. A ele deve vir jovens amantes do bem, da verdade e da paz. No seminário devem viver pessoas em cujos corações Deus plantou a semente da vocação. A resposta ao chamado deve ser livre, clara e consciente" (Texto base para o II Seminário Nacional da OSIB. p.09)

Segundo Padre Antônio, reitor do Seminário Filosófico de Santa Catarina - SEFISC, a formação deve ser pautada pela transparência, diálogo, liberdade e responsabilidade. 

O encontro foi marcado por um profundo momento de oração, reflexão e troca de experiência, obtendo assim um olhar de esperança e de comprometimento para com a formação da nossa Igreja Particular, afirma Padre José Aires, reitor do Seminário Menor e Propedêutico Nossa Senhora de Caravaggio.

A Igreja nos convida a missão de formar padres segundo o coração de Jesus, o Bom Pastor. Para isso nós formadores a luz dos documentos da Igreja e a orientação de nosso bispo, precisamos estar juntos, rezar, estudar, organizar nossa caminhada formativa. foi isso que fizemos a partir das cinco dimensões: Humano-afetiva, comunitária, espiritual, pastoral missionária e intelectual.

As cinco dimensões da formação procuram desabrochar todo o potencial do futuro presbítero na medida em que idealiza o presbítero como uma pessoa humanamente encontrada e integrada, um místico, um especialista nas coisas humanas e divinas, um irmão universal, um pastor universal. Foi  um bom encontro olhando para a formação dos novos padres e para nós de formação permanente, comenta o reitor do Seminário Teológico Bom Pastor, Padre Oscar Paulo Pietsch.














PADRE JOSÉ AIRES COMEMORA SEU ANIVERSÁRIO




O dia foi de grande alegria para o Padre José Aires que celebrou junto com o Seminário Teológico Bom Pastor, seu aniversário.

A comunidade do Seminário Teológico Bom Pastor se alegra pela passagem de seu aniversário e roga a Deus, as benção sobre sua vida e vocação. PARABÉNS.




SEMINÁRIO TEOLÓGICO BOM PASTOR
TERCEIRA PROGRAMAÇÃO ESPECIAL

O final de semana no Seminário Teológico Bom Pastor foi marcado por mais uma programação especial, repleta de formação e oração. Na sexta-feira os seminaristas participaram de um laboratório litúrgico-pastoral sobre o Sacramento da Confissão, preparado e conduzido pelo seminarista Janquiel Pedroso Pires.










O dia de sábado iniciou com a celebração da Santa Missa; e toda a manhã foi dedicada à formação sobre boas maneiras, tendo como orientadores o casal Mário e Sarita, amigos do seminário. No almoço, comemoramos o aniversário de nossa psicóloga, Lourdinha Mazzuchello Zanatta, que estava em nosso seminário atendendo. Neste dia os seminaristas também prepararam uma noite do pastel, para comemorar o aniversário do seminarista Davi Paulo Coelho e de Eli Teresinha (colaboradora do seminário). E para completar o dia de sábado, foi realizado um Lucernário da Ressurreição, onde vivenciamos um profundo momento de oração com o Cristo ressuscitado.
















No domingo, celebramos a Santa Missa e, durante ela, os seminaristas receberam seus afilhados de oração. Esta dinâmica acontece todos os anos em nossa casa: cada seminarista fica responsável por rezar em sigilo até o final do ano por um outro membro da comunidade. O almoço, preparado pelos seminaristas, foi macarronada, encerrando o final de semana de com um agradável momento de convivência.